Pilates

PilatesPilates num breve resumo…

O método de Pilates ou simplesmente Pilates, é um sistema de treino físico e mental criado nos princípios do século XX pelo alemão Joseph Huberus Pilates, baseado nos seus conhecimentos de ginástica, traumatologia, ballet, artes marciais e yoga, unindo o dinamismo e força muscular ao controle mental, à respiração e ao relaxamento.
No princípio foi chamado pelo próprio Pilates, Contrologia, devido à importância do uso da mente para controlar o corpo. O método centra-se no desenvolvimento dos músculos internos de forma a manter o equilíbrio corporal e dar estabilidade e firmeza à coluna vertebral, pelo que é muito usado como terapia de reabilitação, e para, por exemplo, prevenir e tratar dores de costas. Pratica-se em todo o mundo e parte da sua cada vez maior popularidade deve-se ao facto de ser praticado por personagens famosas da música, cinema, dança e desporto.

Fundamentos que estabelecem e melhoram a qualidade do seu treino…

Controle: Pilates requer o controle absoluto do seu corpo. Cada movimento realizado deve ser calculado e planeado minuciosamente, reduzindo dessa forma o risco de lesões.
Centralização: o centro é o fundamento de todos os exercícios. Nenhum movimento de pernas ou braços começa sem um centro forte.
Concentração: Pilates não se pratica sem pensar. Em cada parte de cada movimento deve manter-se um diálogo interno entre o corpo e a mente. É fundamental concentrar-se no que é correcto, tomando atenção a cada detalhe.
Precisão: Cada movimento deve ser realizado o mais perfeito possível. Não é a estrutura do exercício, mas sim o modo de realiza-lo que determina os resultados.
Fluidez: A fluidez é um dos princípios que distingue Pilates de outros métodos. Ao realizar os exercícios deve concentrar-se não só na fluidez de cada exercício, mas também na ligação entre eles, desenvolvendo desta forma o equilíbrio, o controle e a coordenação.
Respiração: A respiração deve ser profunda e completa, inspirando pelo nariz e expirando pela boca. Nunca se deve cortar a respiração durante a realização dos exercícios. A respiração deve ser intercostal e lateral.

Benefícios adquiridos com a prática de Pilates…

Alívio de dores
Alcance de muitas destrezas físicas e prevenção de lesões
Aumento da força física e mental, bem como da resistência
Correcção da postura, do equilíbrio e do alinhamento corporal
Crescimento da auto-confiança e do valor pessoal
Desenvolvimento da flexibilidade muscular bem como da mobilidade articular
Estimulação da coordenação motora e da consciência corporal
Fortalecimento e tonificação do corpo, tornando-o mais firme e alongado
Melhoramento do sistema circulatório, respiratório e cardiovascular
Redução do stress e da fadiga

Como orientação inicial, recomendamos…

Pilates é adaptado a todos os tipos de público independentemente do género, idade ou condicionamento físico.
As aulas são realizadas sem calçado, com meias ou descalço.
As roupas não devem limitar os movimentos e devem ser confortáveis (de preferência roupa desportiva não muito larga).
As aulas são realizadas com música e têm a duração de 50 minutos.
Levar duas tolhas (uma pequena e uma de rosto), e uma bebida.

Oferecemos uma aula experimental gratuita e sem compromisso, para que você conheça nosso espaço e o Método de Pilates.

 

Pilates para Grávidas

“Um abdómen forte facilita o trabalho de parto e
permite uma recuperação pós-parto muito mais rápida”

Ao longo da gestação o corpo da mulher vai alterando, o que por vezes causa desconforto, dores e má postura. Tudo isso pode ser diminuído com o Método de Pilates.
Desde que não haja contra-indicação médica, as grávidas podem começar o exercício logo depois do terceiro mês de gestação e manter a prática até o final do sétimo mês.

Benefícios para a grávida…

Alivia dores e inchaços nas pernas e fortalece-as para que aguentem mais peso e libertem a sobrecarga na coluna.
Auxilia a contração abdominal (o que facilitará o trabalho de parto).
Evita a incontinência urinária através do trabalho do períneo.
Evita dores nas costas, melhorando a postura.
Estabiliza as articulações contra possíveis lesões.
O trabalho dos braços será importante para cuidar do bebé, que vai ficando mais pesado.
Trabalha a respiração, que auxilia o relaxamento do corpo entre as contrações.

Benefícios para o bebé…

Recebe endorfina (hormona do relaxamento) através da placenta, o que contribui para o seu bem-estar.
Tem um crescimento adequado dentro do útero, já que a gestante controla melhor o seu peso.
Sente a tranquilidade e a auto-estima da mãe.

Cuidados que a gestante deve ter…

Nenhuma gestante deve iniciar a atividade física sem passar por uma avaliação de médica.
Gestantes com placenta baixa ou que tenham alguma doença que coloque a gravidez em risco não devem praticar a atividade.
Com a gravidez avançada, não é indicado deitar de bruços, nem prender a respiração por muito tempo durante o exercício.
As gestantes não devem praticar nenhuma atividade que eleve a frequência cardíaca acima dos 120 batimentos por minuto.
Devido ao crescimento da barriga, o equilíbrio da mãe fica alterado e o risco de quedas pode ser maior. Não dispense o professor!

Professor

Rui Jerónimo – Professor credenciado de Pilates

Horários

Segundas-Feiras das 18h15 às 19h15 

Preço

20,00€ (uma vez por semana)

Para fazer marcação de consulta entre em contacto connosco.